10 de dez de 2009

Luzes da Noruega eram de míssil russo

  Paula Rothman, de INFO Online Quinta-feira, 10 de dezembro de 2009 - 15h35


SÃO PAULO - A Rússia admitiu nesta quinta-feira uma nova falha na tentativa de lançamento de seus mísseis intercontinentais Bulava.
Com isso, especialistas acreditam que está solucionado o mistério das estranhas luzes vistas na noite de terça-feira no norte da Noruega.
Segundo a Reuters, esta é a 13ª  tentativa frustrada nos testes do míssil russo. O próprio Ministério da Defesa admitiu a falha, dizendo que o lançamento foi feito do submarino nuclear Dmitry Donskoi de uma posição submersa no Mar Branco.
A agência ainda reporta que o porta-voz do ministério confirmou que os dois primeiros estágios do míssil funcionaram normalmente, mas que houve um problema técnico na trajetória.
Segundo informações do canal ABC, apesar de admitir problemas, o Ministério da Defesa se recusou a comentar se as luzes vistas no céu da Noruega têm algo a ver com a tentativa frustrada de lançar o míssil.
Segundo a reportagem, no passado, outras tentativas frustradas de lançamento na região já geraram fenômenos atmosféricos incomuns – e que, não raro, essas luzes eram confundidas com vestígios de discos voadores.


Espiral misteriosa no céu na Noruega


Quarta-feira, 09 de dezembro de 2009 - 17h07


Reprodução Daily Mail

Espiral misteriosa no céu na Noruega
Estranhas luzes no céu da Noruega intrigam moradores